12 de mai de 2013

Galo mais uma vez joga bem, e Galo tem uma boa vantagem para o 2º jogo

Ronaldinho leva a mãe para agradecer a torcida.


Falaa, Massa!!!

Que jogo!!! Galo mais uma vez jogou muito, e deu um grande passo, mas não caiam nessa que já acabou, porque ainda tem outra guerra no Mineirão. Vamo GALO!!!

Um estava invicto no Independência, há 33 jogos. O outro estava invicto na temporada, com 14 vitórias e um empate. Quem, por esse retrospecto, esperava um jogo esquilibrado, repleto de chances para os dois lados, cheio de gols das duas equipes, se enganou. Atlético e Cruzeiro se enfrentaram neste domingo, no Independência, na primeira partida da decisão do Campeonato Mineiro. 

E o que se viu foi apenas uma equipe em campo, que dominou o rival, teve oportunidades incríveis e venceu por 3 a 0. Após a vitória sobre o São Paulo, por 4 a 1, na última quarta-feira, pela Taça Libertadores, o Galo ratificou a grande fase vivida na temporada e não tomou conhecimento do adversário. Jô, no primeiro tempo, e Tardelli e Marcos Rocha, no segundo, marcaram os gols da vitória alvinegra, que só não foi maior pela infelicidade dos atacantes, que desperdiçaram chances incríveis. O placar ficou barato para o Cruzeiro, que podia ter sido goleado impiedosamente, até mesmo pelo fato de o time celeste ter atuado com um jogador a menos por quase todo o segundo tempo, já que Bruno Rodrigo foi expulso.


Notas

Victor: 7
Marcos Rocha: 7
Gilberto Silva: 6,5

Réver: 7
Richarlyson: 7
Pierre: 7
(Josué: 7)
Donizete: 7
(Rosinei: 6,5)
Tardelli: 8
Bernard: 7
(Luan:7)
Ronaldinho: 8,5
Jô: 8

ATLÉTICO 3X0 CRUZEIRO

ATLÉTICO
Victor; Marcos Rocha, Gilberto Silva, Réver e Richarlyson; Pierre (Josué, aos 13 do 2ºT), Leandro Donizete (Rosinei, aos 43 do 2ºT), Ronaldinho Gaúcho, Diego Tardelli e Bernard (Luan, aos 40' do 2ºT); Jô
Técnico: Cuca

CRUZEIRO
Fábio; Ceará, Leo, Bruno Rodrigo e Everton (Egídio, no intervalo); Leandro Guerreiro, Nilton, Everton Ribeiro (Ricardo Goulart, no intervalo) e Diego Souza; Dagoberto (Paulão, aos 11 do 2ºT) e Borges
Técnico: Marcelo Oliveira

Motivo: Jogo de ida da final do Campeonato Mineiro
Local: Estádio Independência, Belo Horizonte
Data: Domingo, 12 de maio, às 16h

Gols: Jô, aos 14 minutos do primeiro tempo; Diego Tardelli, aos 27' e Marcos Rocha, aos 33 minutos do segundo tempo

Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (Asp. Fifa-SP)
Auxiliares: Alessandro Rocha Matos (Fifa-BA) e Fábio Pereira (Fifa-TO) 

Cartões amarelos

Atlético: Gilberto Silva, aos 28', Réver, aos 40' e Pierre, aos 42' do 1ºT;

Cruzeiro: Everton Ribeiro, aos 34', Bruno Rodrigo, aos 38', Éverton, aos 41' e Dagoberto, aos 42' do 1ºT; Ceará, aos 6', Bruno Rodrigo aos 8', Diego Souza, aos 44' do 2ºT

Cartão vermelho

Cruzeiro: Bruno Rodrigo, aos 8 do 2ºT (pelo segundo amarelo)

Público: 19.442
Renda:
 R$ 704.210,00

GOLS


Saudações Alvinegras!
 

  @SamukaS9


1 comentários:

Olá, Samuel!
Dentre tantos destaques que chamaram a atenção, quero destacar o preparador físico do Atlético, Carlinhos Neves. O que esse profissional está fazendo com esses atletas é algo absurdo e poucas vezes visto por aqui. www.euvistoacamisadogalo.com.br

Postar um comentário