15 de ago de 2012

Pontos perdidos, não ganhos!





Empate com sabor de derrota. Depois de um caminhão de gols perdidos, Galo não consegue a virada e acaba com um empate amargo.


Time entrou sonolento, e levou gol logo no inicio. Após o gol sofrido só deu Galo, mas os erros foram tantos que o time saiu apenas com o empate. Que por enquanto não é mau resultado graças ao empate do Fluminense e a derrota do Grêmio.

Poderia ser tudo mais fácil, mas aqui é Galo e emoção não falta. Dessa vez o vento não ajudou e o chute acabou enganando o goleiro Victor.
Depois de uma cotovelada em Donizete, Joílson foi muito bem expulso e facilitou um pouco as coisas, já que logo depois o Galo fez o gol de empate com Bernard.



Após  o gol foi um show de gols perdidos, deixando na torcida um gosto de que a virada iria sair logo. Jô mandou 2 na trave, Ronaldinho, Bernard e Guilherme também passaram perto.

Final do primeiro tempo e a ansiedade pro segundo surgiu. Todos esperando o gol da virada, que infelizmente não veio.

Guilherme perdeu uma grande chance ao tentar encobrir o goleiro, após bela jogada de Ronaldinho. Depois disso apenas Jô teve chances de marcar, mas parou no goleiro e pecou nos cabeceios. No fim Pierre ainda mandou uma bola na trave, e deixou os atleticanos com o sabor de derrota na boca.

Cuca mexeu mau e reconheceu. Richarlyson piorou o setor esquerdo, Carlos César totalmente fora de ritmo com os demais companheiros. Escudero não entrou bem, e o time cansou de correr no final.

O resultado não podemos negar que foi péssimo. Mas reclamar da equipe é demais. O time é excelente e a campanha também. Vamos continuar fechados com o time que com certeza nos dará muitas alegrias ainda.
O que todos esperamos é que no fim possamos desentalar da garganta o grito de campeão. Mas até lá é ter paciência e apoio 100% na equipe.

Galo Sempre!

Vote e nos ajude! Premio TOP Blog

Para votar é fácil, basta clicar no link abaixo. Na tela que se abre escolha a opção de confirmação de voto que pode ser através do Facebook, Twitter ou e-mail.





1 comentários:

Olha tb compreendo que perdemos dois pontos, mas acho que pesou o espírito do Serra Dourada, acredito nessas coisas… É um local nefasto ´para nossa história e há males que são duros de serem virados. Não vejo outro campo que mais nos atormenta no atual campeonato. Os fantasmas que lá moram não gostam do GALO. Pergunto-me se uma daquelas mil bolas em outro palco não teria entrado, acredito que sim, em outros ares um sopro de bondade não nos teria tocado.
Pensem bem, se há uma porta do inferno para o atleticano, essa seria o Serra Dourada.
Pensando no futuro, o jogo cria uma situação interessante: vários times jogaram na defensiva contra o GALO, mas o ATL/GO foi o 1º a abdicar-se de atacar. Seus ataques eram realizados por um/dois jogadores no máximo, para não atrapalhar a recomposição da defesa, o que permitira o GALO usar sua velocidade – vide os jogos contra Vasco/Coritiba/Inter. Assim, vimos um jogo de linha contra defesa que o time não estava habituado a jogar e não sabia como resolver esse problema.
Penso que se o GALO continuar assustando os adversários (Deus assim o quererá), será uma situação que veremos por diversas vezes. Caberá ao CUCA, assim que a semana o permitir, treinar essa situação de jogo e mostrar aos jogadores os caminhos para a vitória. Veja que o próprio Cuca ficou perdido, pois ao retirar o Donizete o time desmontou sua estrutura tática e, inclusive, diminuiu sua força de ataque.
SDS alvinegras,
Com Deus e com o Galo, por toda a eternidade!
@marceguto

Postar um comentário