12 de jun de 2011

Treze contra onze, fica complicado!


Não podemos culpar somente o juiz pelo empate no jogo de hoje, nossos atacantes perderam inúmeras chances de matar o jogo, mas sem dúvida o árbitro interferiu no resultado do jogo. Além dos 11 jogadores do Bahia, tivemos que jogar contra o juiz e contra a torcida baiana.


O início do jogo começou com o Galo melhor no jogo, mas pecando nas finalizações e também na marcação tanto que aos 4 minutos Fahel marcou para o Bahia e o assistente anulou erroneamente. Na sequencia o Galo teve muitas oportunidades mas desperdiçava todas, com a marcação do Bahia falhando muito as oportunidades iam surgindo e o ataque perdendo, a melhor delas foi em um lance em que Mancini chutou a bola na trave do goleiro Marcelo Lomba (que se destacou no jogo com boas defesas). O fim do primeiro tempo deixou o empate para os atleticanos com um gostinho de derrota.

O segundo tempo começou com o Atlético dominando, mas a arbitragem ( o nosso 13º adversário) fez uma LAMBANÇA. Jóbson arrancou pela ponta esquerda ganhou do Rafael Cruz e tocou para Lulinha que chegou batendo e a bola tocou no ombro do Leonardo Silva, o juiz marcou pênalti e ainda amarelou o Leonardo. Souza cobrou e fez Bahia 1x0. Após tomar o gol, o Dorival colocou o Daniel Carvalho no jogo e tirou Giovanni Augusto (que não jogou bem) dando mais qualidade ao meio, e ainda tirou Toro e colocou Neto Berola. Com as alterações o Galo melhorou, mas continuou perdendo muitas chances até Daniel Carvalho em um passe perfeito para Neto Berola que completou pra dentro do gol. Depois do gol o Galo pressionou mais ainda o Bahia e conseguiu fazer um gol, MAL ANULADO PELA ARBITRAGEM. Em cobrança de falta Daniel Carvalho mandou na cabeça do Dudu Cearense que em posição legal fez o gol da virada mas que lamentavelmente o árbitro anulou.

Podemos concluir que o Galo teve uma boa atuação criou muito mais chances do que o Bahia, mas por incopetência dos nossos atacantes e da arbitragem não conseguimos sair da Bahia com os três pontos. O lado positivo são os jogadores que não vinham jogando como Daniel Carvalho e Dudu Cearense mostraram que merecem uma chance no time titular, o Neto Berola apesar da expulsão fez um bom jogo, as Torres Gêmeas como sempre jogaram bem. O lado negativo foi as chances perdidas por Magno Alves e Mancini, a lateral direita com Rafael Cruz mais uma vez deixou a desejar ele não acerta um cruzamento e ainda perde várias divididas quando é exigido na marcação.

@diegopantuza


0 comentários:

Postar um comentário