18 de mai de 2015

Galo 4x1 Fluminense Avaliação aos jogadores

A partir dessa segunda rodada, faremos a avaliação individual de todos os jogadores com notas que variam de 0 a 10, usando o 0,5 como único valor entre um número e outro. Ao final faremos a seleção do Galo no segundo semestre. A partir da próxima rodada você, caro leitor, poderá ajudar também nessa votação. Faremos uma enquete ao final de cada jogo para sabermos sua avaliação. 


Victor (6,5): Não teve muito trabalho, e quando foi exigido correspondeu. 

Patric (7,5): Vem crescendo muito de produção, e ele foi a principal arma do Galo no jogo. Com uma assistência direta e outra indireta, foi um dos nomes do jogo 

Jemerson (8,0): Autor de dois gols, ele vem se destacando pelo poder no cabeceio. Média de gols superior a de Réver, maior zagueiro artilheiro do clube. Apesar de toda boa forma ainda comete alguns erros na defesa pela falta de experiência, mas sempre se recupera com o seu poder de desarme. Leo Silva (6,5): Seguro, teve trabalho nas disputas pelo ar com Fred. Venceu todas as disputas que não acabaram em falta. 

Leo Silva (7,0): Muito seguro e levou vantagem em todas as disputas com Fred. Em um lance bobo acabou cometendo um pênalti. Mas isso não tira lhe o mérito de uma boa partida. 

Douglas Santos (6,5): Ainda tímido, precisa de mais participação no ataque. Mas vai bem na defesa sem comprometer. 

Rafael Carioca (7,0): Único volante, eu conta do recado e dominou o meio campo ao lado do Dátolo 

Dátolo (7,0): Assim como seu companheiro foi bem ao controlar as ações no meio campo. Premiado com um gol após bela jogada de Patric e Luan 

Luan (8,5): Melhor em campo, Luan só não fez chover em Brasilia. Jogou de volante a centro avante e teve participação direta nos 4 gols do Galo. Autor do escanteio que resultou no gol do Jemerson, depois, com agilidade e inteligência bateu a falta rápida e viu Patric livre pra cruzar. No terceiro gol deu um belo passe que deixou Patric em boas condições de chegar a área com a bola dominada. Por último, só escorou o cruzamento de Carlos. 

Carlos (7,0): Muito criticado pelas finalizações Carlos vai se mostrando versátil. Apesar de falhar na concretização das jogadas, Carlos vem ajudando na marcação e dando assistências.

Thiago Ribeiro (6,0): Com a mesma função de Carlos, mas pelo lado direito, Thiago não conseguiu render o que se esperava dele. Perdeu um gol na cara do goleiro e foi só, não criou e nem marcou. 

Pratto (7,5): Só não fez gol. Pratto foi armador e finalizador. Correu e armou o time e ajudou o Galo a conquistar a primeira vitória no campeonato brasileiro 2015. 

Substitutos: 

Giovanni Augusto (6,5): Manteve o nível do time, entrou e não deixou a intensidade diminuir. 

Maicosuel (6,5): No mesmo nível do companheiro acima. 

Josué (6,5): Fechou o meio de campo e ajudou o time a segurar o largo placar.

0 comentários:

Postar um comentário